A RAÇA HUMANA

Lição 9

O Primeiro Projeto de Globalismo

Deus ordenou os filhos de Noé que povoassem a terra, porem eles se aglomeraram em um só local, a originar o globalismo, uma desobediência ao mandamento divino.

Faça aqui o download dos slides

Hinos sugeridos pela lição

Nº 185 - Invocação e Louvor
Nº 274 - Jesus é a Luz do Mundo
Nº 383 - O Sustento da Alma

Lições bíblicas adultos
1º trimestre 2020
A RAÇA HUMANA
Origem, Queda e Redenção
Partilhe! Obrigado.

Globalização e Globalismo. (Leia Apocalipse 13:1-18.)

Apocalipse 13 descreve três bases de poder que o Anticristo vai utilizar no seu governo mundial durante o futuro período de tribulação de sete anos. Referem-se elas a poderes político, religioso e económico.

Em primeiro lugar poder político. Lemos em Apocalipse 13:2, que Satanás vai dar ao Anticristo o seu poder, o seu trono e grande autoridade. Este trono refere-se a um governo mundial, por meio do qual vai exercer grande autoridade sobre todas as nações. O diabo e seus demónios constituíram no mundo através de toda a dispensação do Novo Testamento, um poder reinante da esfera espiritual. Efésios 6:12 diz: “Pois nós não temos de lutar contra a carne e o sangue, mas sim contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade nos lugares celestiais.” João afirma que o mundo inteiro está sob a influência do maligno (1 João 5:19). O Senhor Jesus também se refere ao diabo como “o príncipe deste mundo” (João 14:30), e Paulo diz que ele é “o príncipe das potestades do ar” (Efésios 2:2). É por isso que Cristo veio para “nos libertar deste presente mundo mau” (Gal. 1:4).

Nós estamos a caminhar agora para a hora mais negra da história mundial, em que o controlo espiritual que Satanás exerce sobre o mundo perdido vai ser revelado num governo mundial visível. Nós tivemos sempre de lutar contra o mistério da anarquia, mas a hora aproxima-se em que o Anticristo vai ser revelado como o sem lei. Diz Paulo: “E então será revelado o iníquo, que o Senhor consumirá com o espírito da Sua boca e destruirá com o esplendor da Sua vinda. A vinda do iníquo é obra de Satanás, com todo o poder, sinais e prodígios de mentira” (2 Tessal. 2:8-9).

Assim, o Anticristo vai aparecer na Terra no final do tempo, pouco antes do regresso visível de Jesus Cristo, e estabelecerá um governo mundial vil com todo o poder e assistência do diabo. Ele vai ser a personificação do próprio diabo, pois vai sentar-se no trono de Satanás e praticar o seu poder subversivo. A sua influência vai ser mundial. João afirma: “E foi-lhe dada autoridade sobre toda a tribo, língua e nação” (Apocal. 13:7). Isso constitui globalismo político. Nós estamos à beira desta dispensação. Uma comissão das Nações Unidas já chegou à conclusão, que um governo mundial com poderes executivos constitui a única solução para fazer face às crises globais. Elas estão a promover esta ideia, ignorando o facto que na realidade se trata do plano do diabo!

Em segundo lugar, poder religioso. Satanás não só se esforça por ser rei e governador do universo em lugar de Deus, mas também por ser adorado por toda a gente. Portanto, toda a gente vai ser enganada e levada a unir-se e a seguir a governança do Anticristo e ao fazê-lo, adorar também o diabo: “E todo o mundo se maravilhou e seguiu a besta, dizendo, Quem se pode comparar à besta? Quem é capaz de lhe fazer guerra?” (Apocal. 13:3-4). E o seu maravilhar redundará em aberta doação.

O objectivo final do presente processo de globalização religiosa, é a adoração geral de Satanás como deus desta era, (2 Cor.4-4) a par da adoração do seu representante especial, o Anticristo. O movimento ecuménico já fez o trabalho preparatório para levar a cabo este plano sinistro. Inicialmente, apenas o ecumenismo cristão era praticado sob a bandeira do Conselho Mundial das Igrejas, mas em breve se transformou em ecumenismo multirreligioso, em que se forjam laços íntimos entre todas as religiões. A ideia presentemente abraçada pelos ecuministas é que todas as religiões adoram o mesmo Deus, e que, portanto, podem unir-se todas sob a direção do mesmo Cristo universal. Mas não compreendem que o diabo é o deus deste mundo caído, e que o Anticristo é o Cristo universal de todas as fés, que vai ser seguido em espanto pelo mundo inteiro.

Em terceiro lugar, poder económico. Apocalipse 13 termina com a descrição do Anticristo como cabeça de uma economia mundial em que existirá apenas um sistema monetário controlado eletronicamente. O seu controlo da economia mundial será de tal maneira absoluto, que ninguém poderá comprar ou vender sem ter o seu número implantado na mão ou na testa. Todos nós sabemos que a tecnologia já foi aperfeiçoada para injetar sob a pele duma pessoa uma pequena cápsula de vidro contendo um minúsculo computador ou microficha. Sem esta micro ficha, uma pessoa não vai poder comprar ou vender, pois sem ela não poderá ter acesso ao sistema de transferência electrónica de fundos sem um número pessoal de identificação. Já se avançou consideravelmente no que diz respeito ao processo de globalização económica, o que abre caminho ao estabelecimento de um sistema monetário centralmente controlado para todo o mundo. Não vai ser possível fazer comércio ou qualquer transacção económica sem este sistema.

Partilhe! Obrigado.


A RAÇA HUMANA; Origem, Queda e Redenção

Comentarios do Pastor Claudionor de Andrade

Valdemar Quaglio


EBD 4º TRIMESTRE 2019

EBD 4º TRIMESTRE 2019

O Governo Divino em Mãos Humanas

EBD MOLDANDO VOCÊ

Valdemar Quaglio


A Mordomia da Adoração

A Mordomia da Adoração

Nossa Adoração a Deus Deve Chegar ao Trono da Graça Como Cheiro Agradável (VEJA O VÍDEO CLICANDO AQUI)

A Mordomia Da Adoração

Valdemar Quaglio


EBD 3º Trimestre 2019 Lição 5 A Mordomia da Igreja Local

EBD 3º Trimestre 2019 Lição 5 A Mordomia da Igreja Local

O Cristão Deve Valorizar a Igreja Local Como Ambiente de Adoração, Comunhão e Serviço ao Reino de Deus

EBD MOLDANDO VOCÊ

Valdemar Quaglio